Viagens

Sicília- Palermo a Agrigento

Creio que já falei por aqui que percebemos rapidamente que os 3 dias que íamos passar na Sicília não seriam suficientes para ver toda a ilha. Como o J. tem um amigo cuja família é da Sicília ele deu-nos imensas dicas para fugirmos um pouco do circuito turístico que normalmente fica do lado este da ilha. Ah, e antes que se questionem, o Etna estava em erupção quando fomos lá pelo que estava interdito a visitas.

E então onde fomos? Decidims concentrarn a viagem na Costa norte, oeste e sul (até Agrigento).

Dia 1

piscina do hotel estava óptima pelo que a viagem começou bem mais tarde do que estávamos a espera. Fizemos uma estrada cénica em direção a oeste e paramos para almoçar em Erice, uma vila que parece parada no tempo no topo de uma montanha.

Depois de almoço seguimos até Sciacca onde visitamos o castelo encantado.

Acabamos o dia a dar um mergulho na praia mais próxima

Pernoitamos em Agrigento.

 

Dia 2

Da parte da manhã visitamos o centro histórico de Agrigento e da parte da tarde a livraria dos turcos, uma escadaria natural, feita pela erosão do mar na rocha, o ponto mais conhecido da ilha.

Conduzimos até Cefalu, onde chegamos mesmo a tempo do por do sol

2019-09-08 18.51.38-1.jpg

Dia 3

Começamos o dia a visitar o santuário de Gibimamna, uma igreja bem no tipo de uma colina com vistas de fazer cair qualquer queixo.

2019-09-09 10.30.34.jpg

Depois de almoço fomos até Palermo onde percorremos os principais pontos da cidade

Viagens

Alojamento na Sicília

Quando começamos a procura de alojamento na Sicília percebemos muito rapidamente que a oferta se concentra muito em alojamento local, em arrendar quartos em casas, o que não é bem a nossa cena. Embora viajemos com um orçamento em mente já não dispensamos a segurança de um hotel. Assim sendo tentamos concentrar a procura em hotéis convencionais mas os preços eram do outro mundo (cerca de 200 euros por noite!). Desistimos então e embora na primeira noite tenhamos ficado num hotel, nas duas noites seguintes ficamos em alojamento local.

A primeira noite foi num hotel nos arredores de Palermo, o Hotel Bel 3. O caminho sinuoso até ao hotel assustou, mas quando acordamos na manhã seguinte percebemos que a vista era fantástica. Assim sendo decidimos adiar os planos da manhã e ficamos a aproveitar a piscina. O pequeno almoço está provavelmente entre os melhores que já comi, com imensa variedade! Não tirei fotos mas vão por mim, vale mesmo a pena!

Hotel Bel 3, Palermo –  £55/64€  com pequeno almoço (óptimo preço!)

Na segunda noite ficamos em Agrigento, num alojamento local que tivemos de marcar a última da hora porque o que tinhamos marcado cancelou dois dias antes da viagem. Este era bem mais simples mas tinha a vantagem de ter uma cozinha (que não usamos!).

B&B IL Gigante – £46/53€ com pequeno almoço

Por fim, na última noite ficamos em Cefalu, uma cidade bem turística (e bonita!). O staff era super simpático mas o alojamento foi uma desilusão. A casa de banho ficava fora do quarto e como fomos os últimos a tomar o pequeno almoço já não havia nada…

Ma&Mi B&B – £57/66€ com pequeno almoço

2019-09-08 19.30.47-2019-09-08 19.30.53_0000.jpg

Viagens

Sicilia – Impressoes

Setembro inaugurou uma temporada de viagens. Não as verao por aqui apenas porque foram visitas a familia e afins, pelo que nao ha muitas novidades nestas novidades.

A Sicília não foi escolha minha. Foi-me oferecida pelo J. como prenda de aniversario (a melhor prenda que me podem dar!!) e era já um desejo dele há muito tempo!

Desta vez não teremos o post habitual com os custos apenas porque como foi uma oferta não tenho ideia dos custos todos. No entanto ele pediu-me para olhar para os hotéis que tinha escolhido e os preços andavam a volta das 55~65 libras/euros.

Sobre a Sicília posso dizer muito e tão pouco. Primeiro, alugar carro é imprescindível! Nós alugamos com a interrent (a Ryanair do rent a car). Não se admirem se o carro estiver todo batido, mas não se esqueçam de pedir que todos os estragos estejam assinalados no check in para evitarem doces surpresas quando devolverem o carro. Depois, na verdade precisam de pelo menos uma semana para visitar a Sicília. Nós só fomos 3 dias e vimos uma pequena parte do norte, nordeste e sudeste da ilha. O nosso trajeto incluiu zonas menos turísticas porque foi feito de dicas de um amigo do J. que tem raízes neste ilha. A última impressão é que têm de esquecer a Itália monumental que conhecem do norte. Já perceberam nesta altura que nos nos amamos Itália. Tentamos ir pelo menos uma vez por ano, sendo que este até fomos duas, quando visitamos Bolonha! O sul da Itália e a Sicília são pobres. Não há miséria mas nota-se bem que não há abundância… A um nível que não me recordo de ver em Portugal, com exceção da Madeira.

Mas a Sicília é linda!!! O sol a dourar aquela terra, as cidades pequeninas que têm um charme único, as estradas cénicas…