Uncategorized

Porque é que só mostras as partes bonitas das vida?

No outro dia alguém me disse que tinha “inveja” da minha vida. Que era perfeita, que tudo me corria bem.

A verdade é que a minha vida é normal, tal como qualquer uma das vossas. Juro que a louça suja que ficou na pia de manhã está lá quando eu chego (vá, nem sempre porque o J. ou a nossa salvadora A. a põem na máquina às vezes).

E então o que é que eu faço para a minha vida ser tão fantástica? Basicamente a minha filosofia de vida acenta empresas 3 pilares:

1) Eu amo mudança! Quando algo me incomoda eu mudo, sem problemas. Se algo na minha vida não está a correr como eu quero, se me provoca dor ou desconforto, eu removi da minha vida. Mudo de casa, de emprego, de país. Já me afastei de amigos porque achei que me traziam mais coisas boas do que más (sem dramas porque se tivermos de voltar a ficar próximos ficamos!), já mudamos de casa várias vezes, já mudei de emprego, já tivemos de procurar ajuda em casa porque percebemos que tratar da casa é algo que ODIAMOS e vivemos bem com isso, já cancelamos viagens porque sentimos que não queríamos ir. Dá para perceber, certo?

2) Tempo para mim! As minhas escolhas de vida fazem com que eu tenha tempo para investir em mim. A escolha de não ter filhos fez com que não exista uma pressão de horários, possa investir em desenvolvimento pessoal e profissional, e isso dá-me um prazer do outro mundo. As pessoas à minha volta que vejo mais tristes e frustradas não investem, na grande maioria, em si mesmas. A felicidade depende principalmente de nós mesmos, se dependermos de outra pessoa para sermos felizes essa pessoa vai falhar porque ela tem a sua própria vida e os seus objetivos!

3) Positividade! Se há pessoa que não acredita em energias, correntes, espiritualidade e cenas assim sou eu. No entanto acredito em mentalização. E mentalização não é nada mais nada menos (para mim claro!) do que pensar que coisas positivas vão trazer outras também positivas. Não porque o universo, as fadas ou as energias nos tragam isso, mas sim porque ao focarmos apenas em coisas positivas que nos aconteceram ou que queremos, vai fazer com que as coisas menos boas se relativizem! Se algo menos positivo acontece passem a frente rapidamente, é muito mais fácil!

Houve alturas (raras) da minha vida que mostrei, naquele a que chamo de o lado público da minha vida privada, momentos menos bons. No meu Instagram já desabafei que tive momentos da minha vida menos positivos e o mundo ficou em choque… Perguntaram porque não pedi ajuda, porque não lhes liguei… Simples, porque me foquei em resolver o problema e não em ficar triste.

Aqui ficam os meus três pilares para ser feliz: gostar de mudança (para mudar o que incomoda), investir em mim (para conseguir ser feliz de dentro para fora) e positividade (para mandar os momentos menos bons para longe).

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s